NewsLetter
[X] Fechar

Seu nome:

Seu email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Você deveria incorporar velocidade em seu longão?

Telegram Whats Twitter Email Mapa de imagens. Clique em cada uma das imagens
quarta-feira, 7 de fevereiro de 2024 - 11:56
long runPor Brittany Hambleton, para o site RunningMagazine.ca
A corrida longa de domingo de manhã é um ritual sagrado entre os corredores de longa distância. Tradicionalmente, esta corrida tem sido feita em ritmo lento e uniforme, mas nos últimos anos um número crescente de corredores tem experimentado adicionar um ritmo mais rápido à mistura. Isto desencadeou um debate no mundo da corrida: adicionar algum treino de velocidade à sua corrida está tornando-o melhor ou está fazendo-o perder os benefícios de uma quilometragem longa e lenta? A Canadian Running pediu a Stephen Anderson e Donna Mader, treinadores do Fredericton Stride de New Brunswick, para encontrar a resposta.

O propósito do longão

Tanto Mader quanto Anderson concordam que o longão é a corrida mais importante da semana - principalmente se você estiver treinando para uma maratona. E embora correr devagar para correr rápido pareça um pouco contraditório, a quilometragem longa e lenta traz muitos benefícios fisiológicos. Mais importante ainda, ajuda a aumentar a capacidade aeróbica e a resistência.

"Sem ser muito científico, força o corpo a produzir mais mitocôndrias nas células musculares, que são necessárias para produzir energia a partir dos alimentos", diz Mader.

Você deveria adicionar velocidade ao seu longão?

A resposta, como costuma acontecer, é depende. "O objetivo do longão é aumentar o tempo correndo", diz Anderson. "Isso é importante. Portanto, fazer sua corrida longa em um ritmo fácil está bom para mim. Mas também é importante reconhecer que o treino longo é uma ferramenta para realmente melhorar."



Com isso em mente, Anderson diz que, depois de gradualmente se preparar para correr cerca de 2,5 horas, você pode, se desejar, começar a incorporar algum trabalho de velocidade no ritmo da maratona em seu longão. 3 x 10 km ou 5 x 5 km com corrida de um quilômetro entre eles são alguns exemplos de treinos de corrida longa que ele oferece aos seus atletas.

A vantagem de treinar desta forma é que você se adapta ao ritmo da maratona na corrida longa, o que pode ser uma importante ferramenta de treinamento quando você treina para manter o ritmo ideal por 42,2 km. "Também aumenta a confiança do corredor saber que nas fases posteriores de um longão ele é capaz de correr em ritmo de corrida", diz Mader.

Todos deveriam começar a acelerar em corridas longas?

A resposta é um pouco mais clara: não. Como Anderson apontou, o trabalho de velocidade só deve ser adicionado a uma corrida longa depois que você tiver acumulado sua quilometragem (longa e lenta) muito bem e puder lidar com o tempo correndo em um ritmo lento. Isso, ressalta, precisa ser feito de forma lenta e cuidadosa, para evitar lesões.

Mader concorda, acrescentando que é importante considerar o seu ponto de partida. "Os maratonistas iniciantes podem querer ser um pouco mais cautelosos, porque a distância de longão é muito nova para eles", diz ela.

O resultado final

O principal objetivo do longão é aumentar a capacidade aeróbica e aumentar o tempo correndo para garantir que você possa completar a distância no dia da prova. Embora adicionar velocidade às corridas longas possa melhorar seu desempenho, você só deve fazê-lo quando estiver pronto.

Se você estiver enfrentando sua primeira maratona, concentre-se em aumentar a duração do seu longão a cada semana com quilômetros longos e lentos para permitir que seu corpo se adapte a essa nova carga de treinamento. Se esta for sua segunda ou terceira maratona, considere conversar com um treinador, que pode ajudá-lo a incorporar velocidade à sua corrida longa com segurança e eficácia.

Fonte: RunningMagazine.ca

Leia mais sobre: longão

Comentários

Quer comentar? Clique aqui para o login.
Copyright © Marcelo Coelho