Coelho Dizeres Computador
[X] Fechar

Já conhece a NewsLetter do CoelhoDePrograma? Clique aqui e assine!

Só demora 30 segundos para se cadastrar e você recebe nossas notícias por email!

[X] Fechar

Seu nome:

Seu email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

7 sinais de que você está treinando demais Whats Email Mapa de imagens. Clique em cada uma das imagens

segunda-feira, 22 de outubro de 2018 - 09:42
corredor_exaustoFala, corredor!

Todos nós estamos sempre procurando melhorar na corrida. O problema é que se não tomarmos cuidado com o descanso (que, como diz o velho jargão da corrida, também é treino!), pode chegar uma hora em que o esforço fica excessivo e o corpo começa a dar sinais de que precisa de um descanso a mais além daquele dia off que você tira muito a contragosto. Se você está nesse estágio, cuidado, você pode estar em overtraining!

Mas como diachos eu vou detectar isso?

Esse artigo, que traduzi do excelente site Competitor.com, traz algumas dicas pra nos ajudar. Vamos a elas? mrgreen
Você já teve a sensação de "morrer" requentada por semanas a fio, como se não importasse o que você fizesse, seus treinos intervalados e provas seguissem ficando mais e mais lentos? Você pode estar em overtraining, um incômodo comum em corredores "impacientes" e que pode levar a lesões. Além de lesões, o excesso de treinamento pode até tirá-lo da corrida por meses ou anos a fio.

Mas há sinais de que você pode observar para eliminar o overtraining pela raiz. Em um esforço para aprender o que são esses sinais, procuramos seis vezes o campeão mundial de Ironman, Mark Allen, em busca de conselhos. Ele está muito familiarizado com o fenômeno - no final de sua carreira, ele teve um overtraining tão grande que precisou reduzir seu treinamento por dois anos para se sentir normal novamente.

Aqui estão alguns sinais a que Allen diz para ficarmos atentos:

1. Você está mais irritável que o normal.

2. Você não está dormindo profundamente à noite. "Talvez você vá dormir como um zumbi, acorda e não pode voltar a dormir", diz Allen. "Ou talvez você durma bem, mas você acorda sentindo-se como um caminhão Mack tivesse batido em você."

3. Você tem que se motivar para sair de casa para cada corrida.

4. Você sente pernas e braços lentos o tempo todo.

5. Você experimenta perda ou ganho súbito de peso.

6. Seus treinos são inconsistentes. "Se um dia você se sentir como um super herói e no dia seguinte você sentir que mal consegue se mexer, isso é um grande sinal de que você está indo para a zona de perigo real. Seu corpo está sobrecarregando seu sistema adrenal e está tentando compensar. Em um dia ele é capaz de compensar, mas no processo, gasta todas as reservas.", diz Allen.

7. As pessoas ao seu redor continuam dizendo que você não parece estar certo. "Qualquer um que esteja em overtraining por um longo período vai negar e todo mundo vai ver primeiro.", diz Allen.

Se você acredita que você está em overtraining, existem medidas que você pode tomar para garantir a volta ao normal o mais rápido possível. Para começar, Allen recomenda que treine dois dias realmente fáceis. Se você não se sentir recuperado no terceiro dia, corte tudo pela metade por uma semana e pule toda a intensidade. Se você ainda não se sentir bem, comece a tirar dias completos de folga.

Se você tem uma grande corrida chegando, comece tirando dois dias de folga. "Dois dias de descanso completo não prejudicarão em absolutamente a sua aptidão. Se você treinar realmente fácil por uma semana ou tirar alguns dias de folga e se sentir ainda pior, isso é um sinal de que você provavelmente está realmente em overtraining e deve diminuir um pouco as coisas.", compartilha Allen.

Só se lembre que, não importa o que você faça, não cometa o erro de esconder os sinais de overtraining embaixo do tapete. "Overtraining é algo que se deve levar a sério. Se você conseguir tirar um pouco o pé toda semana ou a cada mês, em vez de passar negando por anos, então terá uma boa chance de manter a boa forma e a saúde a longo prazo.", adverte Allen.
Abraços e beijos a todos e até a próxima! mrgreen

Fonte: Competitor.com (traduzido por CoelhoDePrograma)

Leia mais sobre: overtraining

Assine a NewsLetter do CoelhoDePrograma e não perca mais nenhum artigo!

Gostou da matéria? Comente logo abaixo! mrgreen

Copyright - Marcelo Coelho