Parceiros
[X] Fechar

Seu nome:

Seu email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

10 objetivos de corrida além dos recordes
Compartilhe! Telegram Whats Email Mapa de imagens. Clique em cada uma das imagens

quarta-feira, 9 de março de 2022 - 19:24
beginner runnerPor Amanda Brooks, para o site RunToTheFinish.com
Como você se mantém motivado sem provas para as quais treinar? Você muda seu foco de recordes pessoais serem a única coisa que o leva a sair de casa! É hora de atingir metas que o manterão em movimento, não importa o que esteja acontecendo.

No meu livro eu mergulho neste tópico para encontrar o seu porquê.

Eu quase posso garantir que você não começou a correr apenas para alcançar um recorde pessoal.

Isso significa que certamente há outras coisas que podem excitá-lo, motivá-lo e levá-lo a sair de casa, mesmo para correr no frio!

Sorte que desde que eu consiga correr, sou uma corredora muito feliz. Acho que todos nós precisamos de um lembrete de que correr rápido não é a única maneira de ser bem-sucedido.

10 objetivos de corrida além das provas

Não é incomum para mim correr 2.500 km por ano disputando apenas uma prova, então os recordes deixaram de ser uma força motriz para mim.

Mas são divertidos!

Então, quando isso não acontecer, você pode desfrutar de uma prova de treino e escolher outro objetivo de corrida!

Aqui estão 10 objetivos divertidos para mantê-lo motivado, quando o relógio não é onde você deseja concentrar toda a sua energia.

1. Ser "pacer" de um amigo

Quer desfrutar da atmosfera de prova sem a pressão? Que tal ajudar um amigo a atingir seu objetivo de um novo ritmo ou distância, que você já correu com facilidade algumas vezes anteriormente?

Você poderá aproveitar os lugares, torcer pelos amigos e lembrar que não importa qual seja o seu tempo de chegada, o ato de ir e fazer é bastante espetacular.

2. Correr uma nova distância/estilo de prova

É um recorde pessoal automático se você correr uma nova distância, o que significa que você pode simplesmente aproveitar a estreia sabendo que poderá melhorar na próxima vez.

Algumas opções:
  • Uma prova de 16 km

  • Uma prova espartana

  • Uma prova de trilha

  • Qualquer distância totalmente nova para você
Essa ideia é o que me faz correr uma ultramaratona solo.

Eu sabia que meu único objetivo era terminar e aprender muito sobre mim no processo, o que eu certamente fiz e estou emocionada por ter me dado tempo para perseguir esse objetivo.

3. Arrecadar dinheiro para caridade

Quer mais crianças bebendo água potável na África? Quer mais crianças comendo 3 refeições por dia nos EUA?

Encontre uma grande instituição de caridade para trabalhar em conjunto e você achará mais fácil ganhar km. Aqui está um ótimo detalhamento sobre como correr por uma causa.

Você pode criar sua própria causa, com base em correr uma certa distância ou um certo número de dias. Ou você pode encaixá-la numa prova existente com uma grande fundação de caridade.

Trabalhei com o Run10Feed10 por alguns anos e isso realmente me motivou a reunir muitos amigos e ver a diferença que estávamos fazendo na alimentação de crianças nos EUA. Organizei uma grande corrida em grupo e isso foi muito gratificante!

4. Comprometa-se a encontrar um parceiro de corrida

Como corredora solo, sei que muitos de vocês aproveitam o tempo de corrida como uma chance de se desconectar e pensar.


Mas há simplesmente muita pesquisa proclamando os benefícios de correr com outras pessoas para ignorá-los.

Supere o medo de se juntar a um grupo de corrida, faça um esforço extra para se encontrar com um amigo um dia por semana ou comece a tornar seus encontros mais focados em condicionamento físico.
  • Isto dá a você responsabilidade

  • Corra com um amigo mais rápido em seus dias de treino rápido

  • Pegue um corredor mais novo para ajudar em seu dia fácil e você realmente manterá as coisas fáceis

5. Faça treinos de força

Em vez de simplesmente se concentrar em correr para aumentar a velocidade, comece realmente a construir um corpo forte.

Estudos mostram que a adição de exercícios de força e pliometria pode aumentar sua velocidade.
  • Mesmo 2 dias de corpo inteiro por semana valerão a pena por melhorarem a resistência e menos lesões

  • Comece devagar, com 10 minutos por dia antes da corrida com o Core Challenge

  • Ah, sim... adicione pequenas porções de pliometria.
Tente adicionar 1 repetição a cada semana ao número de saltos de agachamento, burpees, afundos ou até mesmo pull-ups que você pode fazer atualmente.

Sim, meus queridos corredores masters, isso se aplica a vocês também! É ainda mais importante com a idade que façamos alguns movimentos explosivos para conter a queda de hormônios e problemas relacionados à idade.

6. Concentre-se na consistência

O que acontece quando seu corpo não permite mais que você corra do jeito que costumava fazer?

Eu sei disso muito bem, e Lisa, do Run Wiki, que foi muito mais rápida do que eu provavelmente jamais serei e agora está se concentrando em simplesmente fazer 5 corridas por semana, também.

Se sua doença não permite que tenha mais recordes pessoais, ela ainda pode encontrar o triunfo em ir, a alegria de se movimentar e a comunidade que a corrida proporciona.

A consistência não parece sexy, mas pense em como mudaria sua semana para entrar em uma rotina. Para acertar todas as suas corridas sem desculpas. Para realmente fazer o tão necessário treinamento de força do corredor!

7. Melhore sua nutrição

Talvez agora seja a hora de se concentrar na nutrição, que fará com que suas corridas pareçam melhores ou irá ajudá-lo a perder o peso que o fez começar a correr.

Decidi que esse era exatamente o meu foco há alguns anos e é uma coisa em que vou trabalhar novamente no próximo ano, com novos ajustes.
  • Um grande problema em que tive que trabalhar foi aumentar a proteína para ajudar na recuperação muscular e, assim, cortei meu desejo por doces e também me mantive focada no horário da proteína para obter o máximo de benefícios.

  • Concentrei-me em comer comida suficiente para realmente abastecer os quilômetros e manter a energia! Faça disso uma meta para testar sua nutrição e realmente comece a abastecer bem suas corridas.

  • Continuei meu foco em alimentos anti-inflamatórios para melhorar a recuperação. Atualmente venho tentando voltar a comer mais peixes gordurosos!

8. Diversifique sua rota

Com os olhos fechados, você pode mapear a rota da sua porta pela vizinhança e voltar para completar 5 km.

A repetição é reconfortante, mas também pode levar ao tédio.

Defina uma meta de variar uma vez por semana:
  • Vire à direita em vez de à esquerda

  • Você pode correr em todas as ruas da sua cidade

  • Entre no carro e corra num lugar inteiramente diferente

  • E as trilhas? Você está fazendo?

9. Dias ininterruptos de corrida

Embora você saiba como eu me sinto sobre dias ininterruptos de corridas, uma sequência de curta duração pode ser exatamente o que você precisa para ficar viciado no "barato do corredor" suado.

Isso força você a começar a pensar de forma mais criativa sobre quanto tempo você tem no dia e a gostar de correr em novos lugares aleatórios para que isso aconteça.
  • Mantenha a sequência curta

  • Mantenha o objetivo fácil como 2 km por dia

  • Se você sentir uma lesão começando, pare!

  • Uma sequência também pode ser apenas fazer alguma coisa todos os dias. Correr, caminhar, ioga, mobilidade, força.

10. Dispute uma prova junto a alguém

Talvez você queira tentar uma primeira prova com seu cônjuge, seus filhos, sua namorada!

Tente mudar seus parceiros para uma experiência de prova totalmente nova.

Isso muda o foco do que está acontecendo no seu relógio para as pessoas ao seu redor, lembrando você de gargalhar, rir até e aproveitar a jornada. Eu acho que o treinador K é mestre nisso!

Claro que se poderia dizer que quem não sabe fazer, ensina e que quem não sabe vencer, encontra outros objetivos. Eu simplesmente não concordo com isso. Eu amo a corrida por ser um esporte inclusivo e eu amo o fato de que correr não tem que ser sobre ganhar uma prova.

Nós ganhamos cada vez que amarramos os tênis.

Fonte: RunToTheFinish.com

Leia mais sobre: prova, recorde, grupo

Copyright © Marcelo Coelho